Jantar comemorativo 25 anos da Câmara Portuguesa em Minas Gerais

A Câmara Portuguesa de Minas Gerais reuniu sua Diretoria, membros de seu Conselho, associados, empresários, autoridades e representantes de diversas entidades mineiras para comemorar os seus 25 anos de existência, oportunidade em que homenageou os seus fundadores, bem como o Comendador Raul Penna e sua empresa ATEX. A solenidade, muito prestigiada, foi realizada no salão principal do São Francisco Flat (Ramada), em Belo Horizonte, para também homenagear o Embaixador Luiz Faro Ramos, em sua primeira visita oficial à capital mineira, acompanhado do Cônsul de Portugal em Belo Horizonte, Sr. Rui de Almeida e do Diretor da AICEP, Sr. Francisco Costa. O encontro foi marcado por muita descontração, mas representou um marco definitivo de muitos entendimentos para consolidar Minas Gerais como um polo empresarial e comercial de fundamental relevância, mas também para estabelecer a Câmara Portuguesa de Minas Gerais como uma liderança expressiva na constante busca de melhores relações de nações irmãs que precisam ser mais próximas e unidas. Em primeira mão, o Presidente Carlos Lopes apresentou um grandioso projeto denominado DESCAMINHOS, que vai não só marcar os 200 anos da Independência do Brasil, mas também escrever a trajetória histórica de uma viagem grandiosa pela Estrada Real, seus mistérios e encantos, suas trilhas e descobertas. Portugal e Brasil se misturam e se completam, se mostram e se recolhem em suas tradições, na grandiosidade de dois povos e de uma língua múltipla, que traduz toda expressão daquilo que muitas vozes precisam afirmar. Que a força desta união seja a semente maior do nosso encontro, para dar luz ao pequeno poema de Drummond: *"Pois de amor andamos todos precisados! Em dose tal que nos alegre, nos reumanize, nos corrija, nos dê paciência e esperança, força, capacidade de entender, perdoar, ir para a frente! Amor que seja navio, casa, coisa cintilante, que nos vacine contra o feio, o errado, o triste, o mau, o absurdo e o mais que estamos vivendo ou presenciando".


Pois então, Salve o Brasil e Salve Portugal.


Texto de Cláudio Motta , diretor vice-presidente da Câmara Portuguesa em Minas Gerais

32 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo